Review: Mãe,A morte te dá parabéns, Corra e A babá

Review: Mãe,A morte te dá parabéns, Corra e A babá

Alguns filmes nos deixam com aquele ar de dúvida o qual não podemos revogar que é um sentimento bom e sutil. Assim vivemos com aquela questão e bem chegamos a questionar nossa própria inteligência.

Foi assim que me senti ao assistir o filme “Mãe” que surtiu um efeito enorme nos cinemas e com certeza, reação e efeito. Com uma temática diferenciada o mesmo trouxe uma maneira de ver a realidade que não esperamos tampouco entendemos.

 

MÃE

20170808173551211892o

Nos primeiros minutos você observará que não é um filme simplesmente fácil, a película trata de uma temática bíblica ao apresentar um casal que mora em casa enorme (que representa o planeta Terra). A mulher retrata a mãe natureza, o homem seria Deus e os visitantes seriam os seres humanos. Vários episódios são histórias do Antigo e Novo Testamento como: Adão e Eva que seriam os primeiros visitantes da casa, Caim e Abel que brigam na frente do casal, a morte do filho (que seria Jesus). Alguns críticos dizem que a mulher representa a Virgem Maria, depende da cognição de cada espectador que assiste o filme em questão. Não é um filme considerado de terror, mas sim drama o qual coloca o espectador para pensar sobre a vida. Read more

Anúncios
Crítica: “O Chamado 3”

Crítica: “O Chamado 3”

Hello guys!

Acho que faz um tempo que não posto nada sobre os filmes que assisti anteriormente, mas estes dias resolvi ver algo novo e deparei com o filme dito cujo que é denominado em inglês RINGS ou apenas CHAMADOS. O filme foi lançado em 2 de fevereiro de 2017 e só agora consegui assistir. Quem nunca ligou a TV e ficou com medo da destemida Samara?! Pois é, eu também.

hero_Rings-2017-3
Foto: Reprodução

Nos outros dois todos sabem que a história é basicamente a mesma: uma fita é encontrada e se a pessoa assistir a fita ela recebe uma ligação dizendo ‘sete dias’, e após esse tempo a pessoa morre. Simplesmente assim ou apenas mais uma lenda urbana não é mesmo?!

Nesta película de 2017 a história é quase a mesma, apenas mudando o foco do plot. Antes o centro da história estava em uma mãe que deveria impedir que Samara possuísse seu filho. Agora o foco está em uma universidade a qual um professor “louco” denominado Gabriel apresenta o vídeo de Samara que virou um arquivo no computador para jovens como uma “experiência para a aceitação da morte” ou seja bem confuso. Os jovens emergem em um clube secreto e todos devem presenciar esta experiência por algum motivo que não fica claro, algo masoquista por assim dizer.

No começo somos apresentados ao plot de um jovem que morreu em um avião com dezenas de pessoas pois o mesmo assistiu a fita. Mas não sabemos como o vídeo de Samara estava no avião ou como todos passageiros entraram em contato com a experiência do chamado. Nisto já conhecemos dois personagens principais que não possuem relação alguma com o plot, só depois descobrimos que um deles estaria envolvido com aquela experiência que expliquei anteriormente. Esta que se trata basicamente de: assistir o vídeo de Samara e esperar ela ligar. Isso mesmo, um risco de morrer ou uma irresponsabilidade por parte do professor * spoiler * que morre quase no final sem a menos assistir a fita.

Outra coisa que achei confusa foi que na apresentação do casal, a mocinha salva o seu namorado pois ele assistiu a fita e ela não, ou seja, ele se livra da morte e a mesma não. Se arriscar por alguém que decidiu estar ali é loucura. E outra, ao assistir o vídeo ninguém consegue copiar o vídeo para um pen drive e a mocinha corre perigo o filme todo.

stills_(8)
Foto: Reprodução

Read more

Crítica: Filme “7 desejos” enaltece terror teen

Crítica: Filme “7 desejos” enaltece terror teen

Hello guys!!!

Sabe quando você não tem exatamente NADA para assistir? Então, ao notar essa falta de atividade resolvi pesquisar um filme. No caso, gostaria de algum do gênero terror (óbvio por preferência).

O filme “7 desejos” foi recomendado por uma amiga e resolvi dar uma chance certo? Não, eu gostei mais do cast do que o plot em si. Primeiramente, eu sou vi-ci-a-da em certos filmes e um deles é “Cruel Intentions” o qual Ryan Phillippe faz o protagonista. Quando soube que o ator estaria no cast do filme título desta resenha eu já fiquei feliz. O trailer já deixou um ar misterioso e fiquei curiosa.

image
Foto: Divulgação

O plot começa quando Jonathan Shannon (personagem do Ryan) resolve presentear a sua filha Clare (Joey King) com uma caixinha de música. Entretanto a adolescente não sabe que ao utilizar, serão realizados sete pedidos e com eles serão geradas consequências para as pessoas mais próximas dela. Isto inclui, várias mortes e muito sangue. O roteiro se desenvolve em meio aos dramas e vida adolescente. Read more