Crítica: “O Chamado 3”

Hello guys!

Acho que faz um tempo que não posto nada sobre os filmes que assisti anteriormente, mas estes dias resolvi ver algo novo e deparei com o filme dito cujo que é denominado em inglês RINGS ou apenas CHAMADOS. O filme foi lançado em 2 de fevereiro de 2017 e só agora consegui assistir. Quem nunca ligou a TV e ficou com medo da destemida Samara?! Pois é, eu também.

hero_Rings-2017-3

Foto: Reprodução

Nos outros dois todos sabem que a história é basicamente a mesma: uma fita é encontrada e se a pessoa assistir a fita ela recebe uma ligação dizendo ‘sete dias’, e após esse tempo a pessoa morre. Simplesmente assim ou apenas mais uma lenda urbana não é mesmo?!

Nesta película de 2017 a história é quase a mesma, apenas mudando o foco do plot. Antes o centro da história estava em uma mãe que deveria impedir que Samara possuísse seu filho. Agora o foco está em uma universidade a qual um professor “louco” denominado Gabriel apresenta o vídeo de Samara que virou um arquivo no computador para jovens como uma “experiência para a aceitação da morte” ou seja bem confuso. Os jovens emergem em um clube secreto e todos devem presenciar esta experiência por algum motivo que não fica claro, algo masoquista por assim dizer.

No começo somos apresentados ao plot de um jovem que morreu em um avião com dezenas de pessoas pois o mesmo assistiu a fita. Mas não sabemos como o vídeo de Samara estava no avião ou como todos passageiros entraram em contato com a experiência do chamado. Nisto já conhecemos dois personagens principais que não possuem relação alguma com o plot, só depois descobrimos que um deles estaria envolvido com aquela experiência que expliquei anteriormente. Esta que se trata basicamente de: assistir o vídeo de Samara e esperar ela ligar. Isso mesmo, um risco de morrer ou uma irresponsabilidade por parte do professor * spoiler * que morre quase no final sem a menos assistir a fita.

Outra coisa que achei confusa foi que na apresentação do casal, a mocinha salva o seu namorado pois ele assistiu a fita e ela não, ou seja, ele se livra da morte e a mesma não. Se arriscar por alguém que decidiu estar ali é loucura. E outra, ao assistir o vídeo ninguém consegue copiar o vídeo para um pen drive e a mocinha corre perigo o filme todo.

stills_(8)

Foto: Reprodução

* Spoiler again *
O vídeo o qual a mocinha/Julia assiste muda, ou seja, qual a razão do vídeo dela ser mais longo que as outras experiências do chamado? Ninguém sabe a sua ligação com Samara.

1

Foto: Reprodução

Resumo: O filme é ótimo mas um pouco confuso ao ligar os pontos. Sabemos que o gênero terror é complicado nos dias atuais, mas RINGS deveria trazer uma releitura dos outros filmes da franquia. Fator o qual não ocorreu e não ficamos com aquele calafrio ao assistir Samara saindo da televisão. Mesmo em experiência 3D, o filme apela para momentos rápidos de mistérios e mortes desconexas. Além disto o roteiro possui uma linguagem específica e não conversa com a linha cronológica.

E o que você achou do filme? Deixe a sua opinião.

aac44f881ab2b32638baa78049798876

Anúncios

2 comentários sobre “Crítica: “O Chamado 3”

  1. carolbueno420 disse:

    Confesso que eu esperava mais desse filme, infelizmente me decepcionei, pois tb senti falta dessa ligação com os outros filmes da franquia, tenho uns posts bacanas de serie tb, me segue lá bjss

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s